EDIÇÃO 119 » COLUNA NACIONAL

Shot Clock - Um chute no tédio


Bruno Kawauti

E aí, amigos da Card Player Brasil? Tudo bem com vocês. Vim aqui para falar sobre um sistema para torneios ao vivo que será testado no 888 Live de Londes, em outubro, o Shot Clock.

O Shot Clock é uma ferramenta que limitará o tempo de tomada de ação de uma pessoa na mesa. Cada dealer terá um relógio ao seu lado em que ele marcará 30 segundos para que o jogador realize sua jogada. Caso ele continue pensando após o tempo se esgotar, ele terá a opção de usar uma ficha de tempo adicional. Caso não use, o dealer considerará um fold.

Mas qual foi o motivo disso, você pode estar se perguntando?

Muitos jogadores estão demorando muito tempo em suas tomadas de decisões. Vou dar um exemplo básico, que talvez já aconteceu com você em algum torneio:

Estamos em um torneio turbo e com poucas fichas. Nossa mesa joga menos de 10 mãos por nível de blind. O que podemos fazer? Nada. Apenas esperarmos frustrados. Isso prejudica tanto a jogabilidade do jogo quanto o entretenimento. Além do tédio, suas decisões acabam ficando cada vez mais limitadas com o aumento dos blinds.

Outro exemplo está nas mesas da TV. Todo mundo quer ter um momento ali, na mesa central, a mesa da TV, aparecer na transmissão, jogar com alguém conhecido. Eu também acho isso muito legal, mas tem bastante gente que, ao sentar ali, acham que precisam levar dois minutos para dar fold em uma mão marginal, às vezes só porque viram o Negreanu ou o Ivey fazendo algo parecido na televisão. 

O poker é um esporte da mente e envolve dinheiro. Não é um jogo fácil e deve ser tratado com muita seriedade. Isso é verdade, mas tenho observado que em várias situações o poker está se tornando mais chato em alguns quesitos. A demora e as longas atuações hollywoodianas acabam por muitas vezes deixando de atrair jogadores recreativos que querem apenas passar o tempo, se divertirem e jogarem o maior número de mãos possíveis. Em vez disso, acabam chegando em uma mesa em que ninguém se fala, todos estão de fone e sempre que eles querem ver o flop, leva cinco minutos.

Quem nunca escutou a famosa sentença: “Ah, você joga poker? Eu acho legal, mas demora muito”. Eu já ouvi incontáveis vezes, e a ideia do Shot Clock é deixar o jogo mais dinâmico, sem enrolação desnecessária. 

Talvez isso seja a idade chegando, mas eu realmente acredito que se o poker ao vivo possuir mais dinamismo, isso vai trazer mais emoção para as mesas e levará o jogo para outro nível —consequentemente, mais pessoas para jogar conosco.

E vocês, o que acham?




NESTA EDIÇÃO



A CardPlayer Brasil™ é um produto da Raise Editora. © 2007-2019. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site sem prévia autorização.

Lançada em Julho de 2007, a Card Player Brasil reúne o melhor conteúdo das edições Americana e Européia. Matérias exclusivas sobre o poker no Brasil e na América Latina, time de colunistas nacionais composto pelos jogadores mais renomados do Brasil. A revista é voltada para pessoas conectadas às mais modernas tendências mundiais de comportamento e consumo.

Sede: Rua Stela de Souza, 54 - Sagrada Família - Belo Horizonte/MG - CEP: 31030-490
contato@cardplayer.com.br
31 3225-2123
LEIA TAMBÉM!×