EDIÇÃO 37 » COMENTÁRIOS E PERSONALIDADES

Começando com a “mão direita”

Dicas rápidas para inciantes


Geraldo Campêlo

Desde que iniciei minhas atividades como organizador de torneios, quase cinco anos atrás, tive a oportunidade de acompanhar diversos desempenhos de carreira de jogadores iniciantes. Alguns deles tiveram sucesso, outros nem tanto. Por não estar envolvido diretamente nessas carreiras, mas estando muito próximo delas sem ter um envolvimento emocional, eu pude detectar vários fatores que podem arruinar não somente a carreira, mas também a vida de um jogador. Alguns fracassam por realmente não ter qualidade de jogo, bem como por não ter interesse em melhorá-lo; outros tantos têm muito potencial, mas sucumbem a fatores extra-jogo que acabam levando o jogador à bancarrota.

 Creio que, pela experiência que adquiri durante esses anos todos, posso dar algumas dicas àqueles que estão começando no mundo do poker e têm em mente fazer dele a sua principal atividade.

- Humildade e respeito aos adversários
Uma qualidade marcante dos grandes jogadores de poker é certamente a humildade e o respeito aos outros jogadores. Uma das coisas que mais me chateia nos torneios que organizo são aqueles “tiltadinhos” que não podem perder uma mão que já saem xingando o adversário e às vezes até o dealer. Eles constrangem a todos por se acharem os melhores do planeta.

Uma mão de Texas Hold’em pode reservar muitas surpresas: tenha consciência de que faz parte do jogo e não culpe ninguém por isso. Se o adversário jogou de uma maneira que você considera errada, não diga nada, apenas espere o momento certo para tomar as fichas dele, ou você acha que vai ser mais fácil se ele estiver jogando corretamente?

- Estude o jogo sempre
Existe muito dinamismo nas mudanças de estratégia de jogo. Fóruns de discussão online são os principais meios onde isso se verifica, pois lá as trocas de informações são muito rápidas, quase que instantâneas. Quem tinha ouvido falar em 4-bet alguns anos atrás? Se você realmente quiser fazer do poker sua atividade principal, não pode deixar de se atualizar quanto aos diversos estilos de jogo. Alguém duvida que o poker praticado hoje tenha um nível muito melhor do que o praticado na década de 1990?

- Não abandone suas outras atividades (trabalho ou estudos)
Você tem certeza absoluta de que o poker será sua atividade principal para o resto de sua vida? Você tem certeza de que sempre será um vencedor e de que conseguirá se sustentar por meio do poker? Você tem certeza de que seus familiares irão lhe apoiar nessa escolha? Mesmo que lhe apóiem, eles irão continuar lhe apoiando nos períodos ruins?

Eu garanto que você não pode responder essas questões com certeza absoluta, portanto, tenha sempre uma válvula de escape, um plano B, para a hipótese de as coisas não saírem de acordo com o planejado. Se você estuda, não abandone o colégio ou a faculdade; se você trabalha, não largue seu emprego. Procure conciliar essas atividades até que tenha total certeza da decisão a ser tomada.

- Não ceda às tentações da fama e fortuna
 O esporte em geral é uma atividade que proporciona glamour, fama e fortuna aos bens sucedidos, e se as pessoas não tiverem estrutura emocional para lidar com essa sedução, correm o risco de entrar em “parafuso” quando as coisas não vão bem. Não desperdice seus ganhos em viagens desnecessárias, festas e baladas por sua conta para os amigos, pois você vai se arrepender num período de “maré baixa”.
Saiba que os seus ganhos são a matéria prima do seu trabalho, pois é com eles que você vai poder obter mais ganhos. Se você desperdiçar em supérfluos, estará desfalcando sem necessidade sua “empresa” e isso poderá lhe custar muito caro mais tarde.
 
- Não exija demais do seu corpo
O poker demanda muita concentração e raciocínio, então não exija demais do seu corpo em sessões intermináveis. Ninguém consegue manter o mesmo nível de jogo após 15 ou 16 horas ininterruptas de jogo. Eu já vi pessoas passarem quase 30 horas jogando. Isso não tem o menor cabimento e é totalmente contrário às necessidades do corpo humano. Creio que sessões de 8 a 10 horas por dia são o suficiente para ganhos substanciais sem prejudicar a saúde.

- Controle seu bankroll
Finalmente, creio que o principal cuidado que todo jogador deve ter é o gerenciamento do bankroll (dinheiro disponível para jogar). Muito já foi falado sobre esse assunto, mas, como este artigo é voltado àqueles que ainda estão iniciando e pretendem algum dia se profissionalizar, resolvi abordá-lo novamente. Além do mais, vejo alguns jogadores que se dizem experientes cometendo verdadeiros absurdos com seus bankrolls.

Você deve ter bem claro na sua cabeça que, por melhor que seja o seu poker, vi haver momentos em que tudo dá errado: sua sequência no flop é derrotada por um flush runner-runner, sua trinca é batida por uma maior no ríver e assim por diante. Isso é estatístico e leva o nome de variância, ou seja, quase nunca seu jogo é o vencedor até que se revele a última carta.

Para você se defender dessas armadilhas, o único meio que você possui é o controle de seu bankroll. Siga o raciocínio: se você tiver US$100,00 na sua conta, entrar em um torneio de US$2,00 e levar uma tremenda bad beat, ainda continuará com US$98,00, mas e se você estiver em um torneio de US$ 55,00 e acontecer o mesmo? Seu bankroll ficará destruído.

Existem na Internet diversas dicas de gerenciamento de bankroll; entre no Google e procure-as, é indispensável que você faça isso.

Espero ter ajudado um pouco e desejo muito sucesso para aqueles que estão começando no fascinante mundo do poker.

Até o mês que vem!




NESTA EDIÇÃO


EDIÇÃO 37

Ano 4 - agosto, 2010

ASSINE JÁ! ÍNDICE COMPLETO
FichasNet Garantimos o melhor negócio online na compra e venda de créditos.
RoyalPag - Comprou, jogou, ganhou, sacou!
RoyalPag - Comprou, jogou, ganhou, sacou!
Aumente seu stack agora! Stack fichas
Fichas Nupano - Compra e venda de fichas online
Raise Editora - Os melhores livros de poker do mundo totalmente em português

A CardPlayer Brasil™ é um produto da Raise Editora. © 2007-2019. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site sem prévia autorização.

Lançada em Julho de 2007, a Card Player Brasil reúne o melhor conteúdo das edições Americana e Européia. Matérias exclusivas sobre o poker no Brasil e na América Latina, time de colunistas nacionais composto pelos jogadores mais renomados do Brasil. A revista é voltada para pessoas conectadas às mais modernas tendências mundiais de comportamento e consumo.

Sede: Rua Stela de Souza, 54 - Sagrada Família - Belo Horizonte/MG - CEP: 31030-490
contato@cardplayer.com.br
31 3225-2123
LEIA TAMBÉM!×