EDIÇÃO 106 » MISCELÂNEA

Hand for Hand - Olivier Busquet x Marc-Andre Ladouceur (HU da GPL)


João Bauer
Na nova seção da Card Player Brasil, a cada mês, um renomado profissional do poker nacional analisará uma mão entre duas feras do poker mundial. Nesta edição, o goiano João Bauer fala sobre um embate entre o canadense Marc-Andre Ladouceuer e Olivier Busquet. Os dois se enfrentaram em torneio de heads-up da Global Poker League (GPL).
 
 
Olivier Busquet – 60.640 fichas (A2)
Marc Ladouceur – 39.260 fichas (10Q)
Blinds: 500/1.000 com antes de 100
 
PRÉ-FLOP
 
Busquet aumenta para 2.000. Marc paga. 
 
João Bauer: O stack efetivo é de 40 big blinds, então o pré-flop é bem padrão para um heads-up. 
 
Flop: A 8 10 (Pote: 4.200)
 
Ambos os jogadores pedem mesa.
 
João Bauer: Busquet decide pedir mesa porque dificilmente conseguirá extrair valor mais do que duas streets nesta mão. Dando check no flop, o oponente pode supervalorizar um segundo ou terceiro par.
 
Flop: 4 (Pote: 4.200)
 
Marc pede mesa. Busquet aposta 3.800. Marc dá call.
 
João Bauer: No turn, acredito que o Marc poderia sair apostando por valor. Busquet pode ter algum Dez pior piores ou um Oito, até mesmo mãos como K-4, Q-4 e 7-6, mãos que dificilmente fazem um continuation bet (c-bet) no flop. Ele acaba pedindo mesa e vê o Busquet apostar forte (3.800 em um pote de 4.200). 
 
Aqui, é praticamente impossível dar fold depois do check flop — e é justamente por isso que o Busquet já faz uma aposta alta. Ele sabe que o Vilão raramente largará um Dez ou até mesmo um Oito. Marc paga acreditando ter a melhor mão e ele ainda pode reavaliar a situação no river.
 
River: 9 (Pote: 11.800)
 
Marc pede mesa. Busquet aposta 9.800. Marc vai all-in de 33.360.
 
João Bauer: No river, Busquet faz outra aposta alta (9.800 em 11.800). Justamente por ter pedido mesa no flop, ele acredita que pode fazer o Marc pagar com um Dez. Por outro, lado fica meio óbvio que ele está apostando por valor, uma vez que a maior parte do range de blefes dele faria uma c-bet. Assim, Marc sabe que se pagar, possivelmente, estará perdendo para um Ás, pares maiores (J-J, Q-Q, K-K) ou dois pares, como 10-4 e 8-4 — o Nove dificilmente entra no range de dois pares de Busquet, já que não acredito ele faria uma aposta tão alta no turn com 10-9 ou 9-8. 
 
Com isso em mente, Marc decide transformar o segundo par em blefe — e ele tem uma das melhores mãos para isso. Ele bloqueia algumas combinações de nuts com a Dama e ele pode excluir mãos como Q-J do range do Busquet, já ele faria uma c-bet no flop, já que a mão possui boa equidade. Mas o principal é: Marc sempre pode ter inúmeras combinações de mãos jogando da forma que jogou. Ele pode representar muita coisa pela linha que tomou durante as streets. Mão como Q-J, J-7 e 7-6, definitivamente, estão no range de Marc.  
 
Resumindo: ele pode ter todos os possíveis ranges fortes, tem os melhores blocker possíveis para isso, a Dama e o Dez, este último bloqueia alguma combinações de dois pares. Uma linha perfeita.
Busquet dá fold.
 
Após apostar forte no turn e no river, Busquet  acabou ficando um pouco vulnerável com seu range não muito forte, em um bordo que ficou ainda mais conectado no river, e teve que dar fold.
 
JOÃO BAUER
É um dos maiores nomes do poker nacional. Possui milhões de dólares em prêmios ao vivo e online. É o atual campeão brasileiro de poker e já conquistou um título do WCOOP em 2010.
 



NESTA EDIÇÃO



A CardPlayer Brasil™ é um produto da Raise Editora. © 2007-2019. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site sem prévia autorização.

Lançada em Julho de 2007, a Card Player Brasil reúne o melhor conteúdo das edições Americana e Européia. Matérias exclusivas sobre o poker no Brasil e na América Latina, time de colunistas nacionais composto pelos jogadores mais renomados do Brasil. A revista é voltada para pessoas conectadas às mais modernas tendências mundiais de comportamento e consumo.

Sede: Rua Stela de Souza, 54 - Sagrada Família - Belo Horizonte/MG - CEP: 31030-490
contato@cardplayer.com.br
31 3225-2123
LEIA TAMBÉM!×