EDIÇÃO 100 » COLUNA NACIONAL

Vencemos


André Akkari
E aí, leitores Card Player Brasil, tudo certo? Que honra poder escrever mais uma vez para esta revista que faz parte da história do poker brasileiro.
 
Quando comecei a jogar profissionalmente, em 2006, a situação era infinitamente mais complicada do que hoje, em 2015. Poucas mídias falavam sobre o assunto, tínhamos apenas duas opções: ou aceitávamos ficar no completo anonimato como esporte ou nós mesmos poderíamos tentar criar o nosso mercado.
 
Entretanto, das pessoas disponíveis naquele tempo — e nos anos que seguiram — poucas tinham condições financeiras de montar uma revista, um site de notícias ou qualquer coisa do tipo — e eu me incluo nesse grupo. 
 
O poker vinha como mais uma alternativa de receita complementar ao trabalho regular— no meu caso, por exemplo, foi para salvar um início de família, que passava por um aperto financeiro terrível. Vocês bem sabem que administrar a carreira de jogador profissional de poker é algo bem complicado, imagina então tentar montar uma empresa, empreender dentro de um mercado completamente cinzento e obscuro como o da época.
 
Mesmo assim, alguns poucos tiveram coragem e força de vontade o suficiente para deixar as dificuldades de lado, pegar dinheiro emprestado ou usar suas únicas reservas e, sim, arriscar, planejar e empreender.
 
A Card Player Brasil foi uma delas. Desde o início, resolveu enxergar uma perspectiva de futuro neste tal de poker e criou uma franquia inovadora para a América Latina. Sua matriz nos Estados Unidos sempre fez muito sucesso em um mercado já consolidado, mas montar algo semelhante no Brasil precisava de muita coragem.
 
Agora vai começar uma nova era do poker brasileiro, uma era de aceitação quase que total: poker é "cool", é glamoroso, é sinônimo de inteligência e exercício mental. Não tenho 1% de dúvida que a Card Player construiu esse cenário junto com alguns poucos outros — e hoje, e de agora em diante, merece colher os benefícios desta nova era.
 
O BSOP Millions mostra isto. Dezenas de países participando, mídias “off poker” todas presentes, celebridades “bombando”, muitas delas, incluindo nomes como Ronaldo e Neymar Jr., já desfrutam dos benefícios do poker. Quantas pessoas não compraram os livros da Raise Editora para chegar a um BSOP Millions, com mais de 20 mil pessoas, e fazer bonito?
 
É incrível o que fizemos, todos juntos, e quero apenas fazer desta coluna uma homenagem à Card Player e a todos que tiveram coragem de enfrentar as adversidades para chegar até aqui.
 
Parabéns, galera. Tenho muito orgulho de ter visto a história de vocês e de ser testemunha do que ainda estar por vir.
 



NESTA EDIÇÃO



A CardPlayer Brasil™ é um produto da Raise Editora. © 2007-2019. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site sem prévia autorização.

Lançada em Julho de 2007, a Card Player Brasil reúne o melhor conteúdo das edições Americana e Européia. Matérias exclusivas sobre o poker no Brasil e na América Latina, time de colunistas nacionais composto pelos jogadores mais renomados do Brasil. A revista é voltada para pessoas conectadas às mais modernas tendências mundiais de comportamento e consumo.

Sede: Rua Stela de Souza, 54 - Sagrada Família - Belo Horizonte/MG - CEP: 31030-490
contato@cardplayer.com.br
31 3225-2123
LEIA TAMBÉM!×