EDIÇÃO 94 » COLUNA NACIONAL

Oito Motivos Para Você Não Jogar Poker


Caio Pessagno
No artigo desta edição, vou tratar de um assunto delicado. Sabe quando você conta para aquele amigo desinformado que você quer jogar poker para viver e ele faz uma careta ou lhe olha como se você fosse uma espécie de alienígena? “Poker, desde quando isso é profissão”? Pois bem, acredito que ele possa ter lido em algum lugar o que vou expor para vocês hoje: oito motivos pelos quais você não deve pensar no poker como profissão.

1. TER LIBERDADE DEMAIS

Se você for um jogador de poker, vai ter um problema gigante pra resolver: você vai poder montar sua grade de horários, vai escolher os dias em que quer trabalhar, quantas horas vai trabalhar, que horas acordar, que horas dormir, onde vai trabalhar. Mas quem vai querer isso, né? Que trabalhão!

2. VAI CRIAR RESPONSABILIDADE

Infelizmente, toda essa liberdade vai trazer também uma grande responsabilidade. Você aprende que liberdade não é sinônimo de vagabundagem. Afinal, para ter sucesso, você vai precisar ser responsável e, de fato, trabalhar duro, não importa onde, que horas e quantos dias por semana. Você aprende a ser responsável na marra, não tem escape.



3. VAI PERDER O TEMPO INTEIRO

Você vai sofrer muito, especialmente no início. Diariamente, vai ter grandes frustrações e vai perder muito mais do que ganhar. Para se tornar um jogador profissional, você precisa aprender a perder, mais cedo ou mais tarde. Quanto mais cedo, maior sua chance de sucesso. Esse é um dos principais motivos para não jogar poker. Isso é sério!

4. VAI SE TORNAR MUITO DISCIPLINADO

Enquanto aprende a perder, você vai aprender também a ter disciplina. Vai entender que o mais importante é tomar as decisões certas e que o resultado importante vem no longo prazo e não imediatamente. Você vai desenvolver paciência e disciplina para continuar trabalhando e estudando, e vai aprender a ter confiança no que está fazendo, sem se preocupar se perdeu ou ganhou em um determinado dia. Minha mãe sempre me disse que disciplina faz mal. Mais um bom motivo para não jogar então.

5. VAI GANHAR SALÁRIO EM DÓLAR

Como jogador de poker, você vai ganhar em dólar. Em tempos de desvalorização da nossa moeda, isso parecer ser muito ruim, concordam?

6. VAI FAZER NOVOS AMIGOS

O poker tem outro problema: inevitavelmente, você será obrigado a socializar. O poker praticamente lhe força a ter contato com outras pessoas. Por ser um jogo totalmente democrático, você vai ter a chance de conhecer todo tipo de gente, de todas as idades, profissões e lugares do mundo. E vai fazer vários novos e bons amigos. Amigos? Para quê? Quem precisa deles?

7. VAI CONHECER NOVOS LUGARES

Não é preciso ser um jogador de topo para ter a chance de jogar torneios em vários lugares do Brasil e do mundo. Você pode se classificar pela internet e ter o azar de conhecer lugares como Las Vegas, Monte Carlo, Barcelona, Londres, Bahamas, Melbourne, Malta e por aí vai. Viajar dá muito trabalho, tem que fazer a mala, pegar avião, falar outra língua, fazer check-in e check-out no hotel etc. Tudo muito cansativo. Outro motivo para não jogar.

8. VAI TER SONHOS POSSÍVEIS

E finalmente: o poker vai te permitir sonhar. Se você joga tênis recreativamente, nunca vai poder sonhar em jogar a final de Wimbledon ou Roland Garros, por exemplo, nem enfrentar o Roger Federer ou o Rafael Nadal. É totalmente impossível. Mas, no poker, qualquer um pode sonhar em jogar uma mesa final de WSOP ou EPT e, de quebra, enfrentar feras como André Akkari e Daniel Negreanu. É uma motivação saudável e realista. Ruim, né?

E aí? Depois de ler este artigo, acho que dá para entender o porquê do espanto daquele amigo lá do início do texto. Realmente, ser um profissional de poker é muito ruim.




NESTA EDIÇÃO



A CardPlayer Brasil™ é um produto da Raise Editora. © 2007-2017. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site sem prévia autorização.

Lançada em Julho de 2007, a Card Player Brasil reúne o melhor conteúdo das edições Americana e Européia. Matérias exclusivas sobre o poker no Brasil e na América Latina, time de colunistas nacionais composto pelos jogadores mais renomados do Brasil. A revista é voltada para pessoas conectadas às mais modernas tendências mundiais de comportamento e consumo.

Sede: Rua Stela de Souza, 54 - Sagrada Família - Belo Horizonte/MG - CEP: 31030-490
contato@cardplayer.com.br
31 3225-2123
LEIA TAMBÉM!×