BRASIL

Samba Team coloca dois jogadores no pódio da Grande Final Milionária

Bruno Desimoni e João Fera deixaram o cassino Enjoy com prêmios de seis dígitos


11/12/2017 06:12
» comente
Samba Team coloca dois jogadores no pódio da Grande Final Milionária/CardPlayer.com.br
Bruno Desimoni e João Fera destruíram na Grande Final Milionária (fotos: Lucas Buffa/CodigoPoker)


O Brasil conquistou mais um ótimo resultado na Grande Final Milionária. Em busca do seu terceiro triunfo no torneio, o país conseguiu colocar dois jogadores no pódio. Vítimas do campeão Diego Río, os grinders do Samba Team Bruno Desimoni (2º) e João Fera (3º) deixaram os feltros do cassino Enjoy, em Punta del Este, com US$ 300.000 e US$ 101.880, respectivamente.


Bruno passou a maior parte da decisão na liderança. Em certo momento do 4-handed, o jogador chegou a ter mais de 50% das fichas em jogo. Antes de assumir a ponta, ele foi o responsável por eliminar o mineiro Osvaldo Naves na oitava colocação. Veja como foi:


De acordo com o site CodigoPoker, nos blinds 16.000/32.000 com antes de 4.000, do UTG, Emmanuel López abriu um raise para 70.000, ação que levou o small Bruno a aplicar uma 3-bet para 225.000. Dono de 650.000, Osvaldo anunciou all-in. López correu, já Desimoni deu o call e mostrou KK. Dono de QQ, Osvaldo não achou a ajuda necessária no bordo 210749.


Río arrancou para o título ao puxar um pote enorme contra João. Após uma 3-bet do brasuca, o argentino optou por anunciar all-in de 41 bbs. Com um stack um pouco maior, João deu o call e mostrou AK. Segurando 1010, Río viu o flop K38 ajudar o seu adversário, porém turn 10 e river 7 garantiram a sua permanência no campeonato.


Pouco tempo depois, Río eliminou João com Q10 contra Q8. Em vantagem no heads-up, ele decretou a queda de Bruno assim:


Diante de um limp de Bruno, Río abriu um raise para 470.000 e recebeu o call. No flop 7108, enquanto Río apostou 700.000, Bruno anunciou all-in de 2.000.000. Com J10, Río aplicou o call para ver o seu oponente mostrar 86. Dominado, Bruno foi eliminado assim que o turn trouxe um 10.


Novamente parte do cronograma do WSOP Circuit Uruguai, a Final Milionária registrou 611 entradas, um field 14% inferior ao do ano passado. Confira quanto os finalistas puxaram da prize pool de US$ 1.544.302:


1. Diego Río (Argentina) US$ 410.562*

2. Bruno Desimoni (Brasil) US$ 300.000*

3. João Fera (Brasil) US$ 101.880

4. Emmanuel López (Argentina) US$ 79.081

5. Juan González (Argentina) US$ 64.916

6. Marcelo Albójer (Uruguai) US$ 49.688

7. Duff Charette (Peru) US$ 43.069

8. Osvaldo Naves (Brasil) US$ 30.885

*Resultado de um acordo que separou US$ 110.562 para o campeão



 



+BRASIL



A CardPlayer Brasil™ é um produto da Raise Editora. © 2007-2018. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site sem prévia autorização.

Lançada em Julho de 2007, a Card Player Brasil reúne o melhor conteúdo das edições Americana e Européia. Matérias exclusivas sobre o poker no Brasil e na América Latina, time de colunistas nacionais composto pelos jogadores mais renomados do Brasil. A revista é voltada para pessoas conectadas às mais modernas tendências mundiais de comportamento e consumo.

Sede: Rua Stela de Souza, 54 - Sagrada Família - Belo Horizonte/MG - CEP: 31030-490
contato@cardplayer.com.br
31 3225-2123