GERAL

Retrospectiva 2018 – O domínio de Justin Bonomo

Craque norte-americano se tornou o jogador com mais ganhos nos MTTs ao vivo


28/12/2018 17:50
» comente
Retrospectiva 2018 – O domínio de Justin Bonomo/CardPlayer.com.br


Nos últimos anos, grandes jogadores tiveram desempenhos arrebatadores ao longo de uma temporada, mas nada se compara a sequência de resultados do craque Justin Bonomo, em 2018. Entre janeiro e novembro, o profissional conquistou US$ 25.295.441, cerca de US$ 7,3 milhões a mais do que ele havia faturado no restante da sua carreira. Quando participar do primeiro torneio de 2019, Bonomo vai ter US$ 43.463.089 em prêmios, a melhor marca na história do poker ao vivo. 


A forra de Bonomo começou logo na primeira semana de 2018. Em visita ao PCA, ele ficou com a medalha de prata e US$ 1.077.800 no US$ 100.000 Super High Roller. Ainda no festival nas Bahamas, o norte-americano embolsou US$ 310.150 pela quarta colocação no US$ 25.000 High Roller.


O primeiro título do craque veio poucos dias depois, em um high roller de US$ 25.500, do Lucky Hearts Poker Open. Na estreia do US Poker Open, Bonomo não passou em branco. Ao soltar o grito de campeão no Evento 1: US$ 10.500 NL Hold’em, ele levou US$ 190.400 para casa. 


A próxima vitória do jogador de 33 anos foi até então a mais importante da sua carreira. Em Macau, na China, ele ganhou US$ 4.823.077 pela cravada na versão asiática do Super High Roller Bowl.


Em preparação para mais uma edição da WSOP, Bonomo venceu dois high rollers no EPT disputado em Monte Carlo. De volta aos EUA, ele deu mais um show no Super High Roller Bowl. Ao derrotar o Team Pro Daniel Negreanu no heads-up, ele engordou o seu bankroll com US$ 5.000.000.


Não demorou para Bonomo aprontar na WSOP. No início da série, ele conquistou o bracelete de ouro no Evento 16: US$ 10.000 NL Hold’em Championship. No total, o triunfo lhe rendeu US$ 185.965.


De forma incontestável o grande nome de 2018, Bonomo ainda tinha mais uma carta na manga. No torneio mais caro da temporada, o Evento 78: US$ 1.000.000 The Big One For One Drop, da WSOP, ele derrotou outra lenda do poker para ficar com o bracelete. Algoz do alemão Fedor Holz, Bonomo deixou o cassino Rio, em Las Vegas, com US$ 10.000.000. 



Siga a @cardplayerbr no instagram e fique por dentro das nossas novidades.

 



+GERAL



A CardPlayer Brasil™ é um produto da Raise Editora. © 2007-2019. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site sem prévia autorização.

Lançada em Julho de 2007, a Card Player Brasil reúne o melhor conteúdo das edições Americana e Européia. Matérias exclusivas sobre o poker no Brasil e na América Latina, time de colunistas nacionais composto pelos jogadores mais renomados do Brasil. A revista é voltada para pessoas conectadas às mais modernas tendências mundiais de comportamento e consumo.

Sede: Rua Stela de Souza, 54 - Sagrada Família - Belo Horizonte/MG - CEP: 31030-490
contato@cardplayer.com.br
31 3225-2123