WSOP

Justin Bonomo vence The Big One e se torna o jogador que mais ganhou dinheiro na história do poker

Este foi o terceiro bracelete da carreira de Bonomo; fenômeno alemão Fedor Holz terminou em segundo lugar


18/07/2018 11:11
» comente
Justin Bonomo vence The Big One e se torna o jogador que mais ganhou dinheiro na história do poker/CardPlayer.com.br
Justin Bonomo é o jogador com os melhores resultados em 2018


O encerramento da World Series of Poker 2018 não poderia ter sido melhor. O The Big One For One Drop, torneio com US$ 1.000.000 de buy-in, reuniu alguns dos principais nomes do poker mundial, mas no final quem ficou com o título foi o melhor jogador de poker do ano: o norte-americano Justin Bonomo.


Esse foi o terceiro bracelete da carreira de Bonomo, o segundo neste ano. Com a vitória, além de se tornar o jogador que mais ganhou dinheiro na história dos torneios do poker (US$ 42.979.591), ultrapassando Daniel Negreanu (US$ 39,9 milhões) e Erik Seidel (US$ 34,5 milhões), ele também supera Fedor Holz e Dan Colman como o jogador que mais ganhou dinheiro em um único ano, US$ 25 milhões até o momento. Holz, inclusive, foi seu adversário no heads-up.


O investidor bilionário David Einhorn foi o primeiro eliminado do dia, pelo próprio Bonomo, e também ficou com o título de bolha. Ele aumentou para 1,1 milhão com AQ e Bonomo pagou do big blind com 74. O flop veio 755 e Bonomo foi para o check-raise-all-in. Com 7,5 milhões para trás, Einhorn pagou e não obteve ajuda no turn nem no river, saindo do torneio de bolsos vazios.


Fedor Holz se encarregou de mandar os dois próximos eliminados para a casa em uma única mão. Byron Kaverman foi all-in de 8 milhões do UTG. Fedor Holz pagou imediatamente à sua esquerda e Rick Salomon foi all-in de 26,9 milhões do big blind. Depois de usar quatro “time bank”, Holz pagou com 1010. Kaverman mostrou A5 e Salomon AK. O flop deixou Holz praticamente sem chances quando trouxe AK2. O turn, uma Q, deu flush draw para Kaverman, mas o river, um milagroso 10, deu uma trinca e todo o pote para Holz.


No 3-handed, Dan Smith colocou as manga de fora e chegou a deixar Bonomo com o menor stack da mesa, mas depois de perder sucessivos potes, ele voltou a ser o short da mesa e foi eliminado por Bonomo. Do small blind, Bonomo foi all-in com K10 e foi pago por Smith com Q10, que tinha 15 bbs. O bordo trouxe uma Dama para Smith, mas também completou a sequência de Bonomo.


No heads-up, Fedor puxou um belo pote logo no início e abriu quase 3-para-1 de vantagem. Bonomo acabou dobrando logo em seguida (A-8 > 4-4) e reequilibrou o HU. O norte-americano disparou na liderança depois de pegar um enorme blefe do alemão. Holz ameaçou uma volta e chegou a dobrar duas vezes, mas quando Bonomo entrou de limp com A-J do button, Holz empurrou seus últimos 19 big blinds para o centro com A-4. Ele foi pago imediatamente e Bonomo entrou para história do poker mundial.


Resultado final:


Jogador Premiação
1 EUA Justin Bonomo US$ 10.000.000
2 Alemanha Fedor Holz US$ 6.000.000
3 EUA Dan Smith US$ 4.000.000
4 EUA Rick Salomon US$ 2.840.000
5 EUA Byron Kaverman US$ 2.000.000


Siga a @cardplayerbr no instagram e fique por dentro das nossas novidades.

 



+WSOP



A CardPlayer Brasil™ é um produto da Raise Editora. © 2007-2018. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site sem prévia autorização.

Lançada em Julho de 2007, a Card Player Brasil reúne o melhor conteúdo das edições Americana e Européia. Matérias exclusivas sobre o poker no Brasil e na América Latina, time de colunistas nacionais composto pelos jogadores mais renomados do Brasil. A revista é voltada para pessoas conectadas às mais modernas tendências mundiais de comportamento e consumo.

Sede: Rua Stela de Souza, 54 - Sagrada Família - Belo Horizonte/MG - CEP: 31030-490
contato@cardplayer.com.br
31 3225-2123