● VEGAS TIME:   Acompanhe os bastidores e novidades dos brasileiros na World Series of Poker 2017

EDIÇÃO 82 » COLUNA NACIONAL

Jogando com Broadway Cards


Felipe Mojave
Nesse artigo vou falar um pouco sobre táticas de como se jogar com cartas altas, as famosas “Broadway Cards”, cartas que vão de Dez a Ás (neste artigo, não iremos considerar as mãos premium como A-A, K-K-K e A-K). Quando dizemos que o range de mãos do adversário inclui broadway, estamos falando de mãos como J-10, K-Q, K-J etc. No geral, esse é um grupo de mãos bastante forte, mas que também pode lhe deixar em situações bem complicadas.
 
Toda vez que se joga com esse tipo de mão, existe a possibilidade de acertar um flush ou uma sequência alta, que, quando completada, é com frequência a mão vencedora. No entanto, acertar um par com broadway cards também é uma boa pedida. Por exemplo, se você tem Q-J e o flop vem Q-3, obviamente você acertou um ótimo flop, com um top pair alto e kicker J — mas é exatamente aí que começam as diversas dificuldades, sendo que a maior delas é saber dar fold corretamente em cenários como esse. Aqui, é preciso, basicamente, avaliar se o oponente tem:

— um kicker melhor;
— uma trinca;
— um overpair (par maior).



Head-up
Contra apenas um jogador, as Broadway cards jogam muito, já que se você conectar com o flop, seu oponente dificilmente terá uma mão melhor que a sua. E mesmo quando você não acertar um flop muito favorável, ainda pode ter uma força relevante na hora do showdown. Apostar no draw ou como semiblefe, segurando duas overcards (cartas mais altas do que a do bordo), também funciona bem em heads-up.

Posição
Como é uma mão que temos que tomar certo tipo de precauções, é melhor jogar em posição. Dessa forma economizamos fichas quando estamos perdendo e podemos maximizar os ganhos com frequência quando a oportunidade surgir. Fora de posição, em geral, cogite dar fold do início da mesa e do small blind.

Do meio da mesa é uma boa oportunidade para entrar na mão, pois normalmente jogaremos contra os blinds. E mesmo quando algum oponente, em posição, conectar com o bordo, muitas vezes teremos uma mão mais forte, já que não houve 3-bet pré-flop.

Em posição é preciso ter cuidado quando os blinds resolverem reaumenta. Em posição de roubo, normalmente podemos gerar esse tipo de ação, portanto o cuidado deve ser redobrado.

Jogue agressivamente
Quando for jogar com as broadway hands, aumente pré-flop. Você não quer se complicar quando acertar um par e quer manter a situação mais simples para analisar o jogo pós-flop, mantendo os riscos conforme os o itens apresentados acima. Isso vai facilitar muito a leitura de jogo, assim como a arrecadação de fichas.

Fica explicito então o porquê de eu preferir jogar com esse grupo das posições intermediárias. Acredito que é de onde podemos tira mais vantagens. Para defender o big blind, também é uma boa opção, obviamente, com os cuidados necessários, já que estaremos fora de posição. 
Lembrem-se que broadway cards são mãos muito boas em determinadas situação, mas cuidado para não jogá-las como se fosse um Q-Q ou K-K. Espero que essas dicas possam ajudar-lhes na evolução. Para mais dicas e artigos, acessem meu website. 

DICAS IMPORTANTES AO JOGAR BROADWAY CARDS
- Evite jogar quando um jogador tight abrir raise. Quando acertar o flop, o range do adversário estará na nossa frente. 

- Considere dar fold com frequência quando um oponente lhe aplicar uma 3-bet. Claro que é necessário avaliar quem deu o reraise, mas o fold evita complicações futuras.

- Em estágios finais de torneios, o call em 3-bets é ainda pior. Quando estamos nessa fase, um roubo de blinds significará um incremento de aproximadamente 5% do nosso stack. Se decidirmos dar um call em uma 3-bet, a relevância desse pote sobe para aproximadamente 20%, o que gerará uma equidade negativa.



GOSTOU DO ARTIGO?
Assine a Card Player Brasil. Você leva 12 edições impressas + LIVRO GRÁTIS!

QUERO ASSINAR!

NESTA EDIÇÃO



A CardPlayer Brasil™ é um produto da Raise Editora. © 2007-2017. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site sem prévia autorização.

Lançada em Julho de 2007, a Card Player Brasil reúne o melhor conteúdo das edições Americana e Européia. Matérias exclusivas sobre o poker no Brasil e na América Latina, time de colunistas nacionais composto pelos jogadores mais renomados do Brasil. A revista é voltada para pessoas conectadas às mais modernas tendências mundiais de comportamento e consumo.

Sede: Rua Capivari, 304 - Conjunto 02 - Serra - Belo Horizonte/MG - CEP:30220-400
contato@cardplayer.com.br
31 3225-2123
LEIA TAMBÉM!×